Dicas e Tutoriais

Quanto ganha um streamer na Twitch?

Saiba quanto ganha um streamer na Twitch e como funciona a monetização da plataforma – que, acredite, não é exclusiva para conteúdo de games.

Escrito por Netshow.me em 06 ago 2020 | Atualizado em 19 nov 2021

8 minutos de leitura

Freepik

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter

Existem muitos tipos de criadores de conteúdo digital e, além das redes sociais, existem outras plataformas e formatos a serem explorados. Com a possibilidade de fazer transmissões ao vivo cada vez mais acessível, surgiu um tipo de content creator focado neste formato: os streamers.

Este tipo de produtor de conteúdo é comumente associado à comunidade gamer – assim como a Twitch, principal plataforma onde suas transmissões ao vivo são realizadas. No entanto, estamos falando de duas coisas mais abrangentes do que este nicho.

Neste artigo, você pode conferir não só quanto ganha um streamer na Twitch, mas também como funciona a monetização na plataforma e algumas dicas para as suas lives. Vamos lá?

O que é um streamer?

Mas, antes de qualquer coisa: o que é um streamer? Este profissional é um produtor de conteúdo, com a diferença que ele é focado em produzir conteúdo ao vivo. Ou seja, faz um live streaming do jogo que está jogando, para que os fãs possam acompanhá-lo. Por isso, o nome “streamer”.

Especificamente na Twitch, o conteúdo é mais voltado para jogos. Geralmente, o streamer é especialista em um jogo específico, o que permite que a sua audiência seja mais fácil de segmentar e fidelizar.

Resumidamente, existem dois grandes meios de produzir conteúdo na Twitch. O primeiro é através dos torneios de eSports, que também são uma máquina de dinheiro. A maior premiação da categoria é do jogo Dota 2, que distribuiu cerca de U$ 34 milhões, sendo mais de U$ 15 milhões para o time que ficou na primeira posição.

Muitos streamers, inclusive, são comentaristas destes torneios. No tempo livre, enquanto não existe nenhuma competição, fazem as transmissões para interagir com os fãs. Também compõem alguns dos maiores streamers do mundo atletas, ex-atletas; e personalidades do cenário gamer.

O Ninja, por exemplo, é um atleta de Fortnite, que faz a transmissão do jogo para seus fãs. Ele ganhou em 2019 – está pronto para o número? – “modestos” U$ 17 milhões, o que é mais de R$ 70 milhões de reais.

É claro que ele está no topo da lista, mas existem diversos outros streamers que ganham milhões de dólares e têm milhões de seguidores. Para ter uma noção, o décimo maior streamer na rede é o DrLupo, com quase 4 milhões de seguidores.

Rapidamente trazendo alguns dados de streamers brasileiros, o Alanzoka é o primeiro, com quase 3 milhões de seguidores. YoDa está na segunda posição com mais de 1,6 milhões de seguidores na plataforma.

Como se ganha dinheiro na Twitch?

Agora que você já sabe quanto ganha um streamer, é preciso entender como. Quando o produtor conteúdo trabalha na Twitch, ele pode ser classificado de duas formas. A primeira é se tornar um afiliado. Neste caso, a plataforma convida os usuários que têm os requisitos mínimos, como número de seguidores, tempo de transmissão e número de visualizações simultâneas.

Uma vez que você tenha ainda mais sucesso na plataforma, pode se tornar um parceiro, que são os produtores de conteúdo que têm um desempenho ainda mais alto. É voltado para quem já vê streaming como sua profissão e tem um número bem alto de seguidores.

Basicamente, a monetização na Twitch funciona com um modelo de assinaturas. Ou seja, o público pode assinar o canal destes streamers, de modo a ter algumas vantagens extras em relação ao seu streamer favorito.

Existem, 4 formas de assinar o Twitch: pagamentos de U$ 4,99; U$ 9,99 ou U$ 24,99 mensais, que são o modelo mais básico. Além disso, existe uma opção de assinar gratuitamente para quem utiliza o Amazon Prime. Isso, funciona até mesmo no Brasil!

Ao assinar o canal, o usuário recebe diversas vantagens, por exemplo:

  • Emoticons personalizados para o chat do canal;
  • Alertas exclusivos de quando o streamer começa a produzir conteúdo;
  • Sala de bate-papo exclusiva;
  • Visualização sem anúncios;
  • E diversas outras vantagens.

Como ficou claro, um dos maiores apelos do Twitch é a aproximação com o produtor. O chat funciona o tempo todo e em tempo real, e o streamer geralmente lê mensagens que são enviadas para ele.

Além da assinatura, existe outras formas de monetizar na Twitch. O streamer pode pedir doações, geralmente associadas a uma conta do PayPal.

Além disso, existem os bits, uma espécie de gorjeta que os usuários podem dar voluntariamente. Ou seja, existe muito dinheiro em jogo.

Existe, ainda, uma terceira forma de monetizar na Twitch, que é através dos patrocínios e parcerias. Existem diversos nichos que podem se aproveitar de patrocínios na plataforma, especialmente aqueles que querem conversar com uma audiência mais jovem.

Como mencionamos, o público do Twitch é extremamente específico e muito engajado, interagindo bastante com os streamers. Além disso, empresas como a Amazon fazem parceria para a venda direta de produtos.

New call-to-action

Quais são os serviços de streaming usados pelos gamers?

Durante o post, só falamos de Twitch, não é? Mas, você se pergunta, só tem este? A resposta é não. O Facebook Gaming e o Mixer, da Microsoft, tentam roubar o lugar do Twitch. Porém, isso é muito difícil. O domínio do Twitch neste mercado é semelhante ao do WhatsApp no Brasil. Foi o primeiro a chegar, e está todo mundo usando, o que significa que é muito difícil tirar o pessoal de lá.

Mas isso não quer dizer que o pessoal não tenta. Por exemplo, o próprio Ninja foi convidado a sair do Twitch pelo pessoal do Mixer, de modo a fortalecer a audiência.

Não existem dados exatos sobre os números, mas ele aceitou após ser oferecido entre U$ 20 e U$ 30 milhões. Curiosamente, mesmo sem transmitir na Twitch há quase um ano, o Ninja ainda tem o maior volume de seguidores, com quase 15 milhões.

Evidentemente, esta competição é ótima para os streamers que podem aumentar o seu valor, a partir da disputa do mercado. Mas também é ótima para os fãs, que podem sempre esperar um serviço melhor das plataformas.

O que você achou? Gostou de conhecer um pouco mais sobre o Twitch? Ficou surpreso com quanto ganha um streamer? Enquanto esta plataforma ainda é mais voltada para o público gamer, aos poucos, vai ampliando o seu escopo, trazendo diferentes tipos de produtores de conteúdo.

Então, se você quer ganhar dinheiro com conteúdo, este pode ser um ótimo caminho.

Escrito por Netshow.me

Este artigo foi produzido pela equipe de especialistas da Netshow.me. Oferecemos serviços para gerenciamento, distribuição e monetização de vídeos e conteúdos online. Produzimos conteúdos com o objetivo de fazer com que você também se torne um especialista.