Cases de Sucesso

Maturi lança plataforma OTT com o evento online MaturiFest e atinge marca de 8,5 mil usuários

Saiba como a Maturi usa o evento online MaturiFest para lançar a própria plataforma OTT e atinge marca de 8,5 mil usuários.

Escrito por Gabriele Gonçalo em 25 set 2020 | Atualizado em 10 ago 2021

7 minutos de leitura

netshow.me

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter

Foi-se o tempo que os eventos precisavam ser presenciais. Com a difusão da tecnologia de transmissão ao vivo, o formato digital se tornou cada vez mais atrativo e viável – até na própria plataforma de conteúdos, solução adotada pela Maturi.

Fundada em 2015, a empresa é a maior comunidade de negócios e empreendedorismo para pessoas acima dos 50 anos. Com mais de 150 mil profissionais já atendidos em todo o país, a empresa transformou a terceira edição do MaturiFest em um evento online.

Com todos os participantes atuando remotamente, o evento foi transmitido entre os dias 6 a 9 de julho na MaturiAcademy, plataforma OTT da empresa. Foram disponibilizados 23 painéis de debates com 50 palestrantes e 14 salas de networking.

O resultado impulsionou o lançamento da plataforma de conteúdo, que atingiu a marca de 8.500 usuários cadastrados por causa do MaturiFest. A seguir, confira todos os detalhes deste projeto de sucesso.

Quais os desafios do MaturiFest?

Devido às medidas de isolamento social adotadas para combater a pandemia do novo coronavírus, os eventos presenciais não poderiam ser realizados – inclusive o MaturiFest. Apesar da conjuntura desfavorável, o cancelamento não era uma opção cogitada – afinal, a empresa entende a importância dele para o seu nicho.

“Somos uma startup de impacto social e entendemos a grande responsabilidade que temos neste momento. Por isso, nos adaptamos à essa realidade e decidimos adotar o formato digital no nosso maior evento”, explica Mórris Litvak, CEO da Maturi.

Para transformar o MaturiFest num evento online bem sucedido, alguns desafios precisariam ser . Além de precisar viabilizar a participação remota de todos os palestrantes, ainda existia o desafio de manter as possibilidades de networking entre os participantes – e, principalmente, encontrar uma solução confiável.

“Não tínhamos dinheiro de patrocínio e nunca havíamos feito um evento online. Além disso, não sabíamos como o público iria lidar com o novo formato. Aproveitamos nossa expertise na área de eventos, com muita organização e tudo planilhado”, explica Ana Thereza Campos, Head de Marketing e Eventos da Maturi.

E por que não realizar o evento diretamente na MaturiAcademy, a plataforma OTT que a empresa já pretendia lançar e poderia agregar valor à empreitada? Assim, Litvak sabia que poderia contar com a Netshow.me para realizar este projeto.

A solução Netshow.me

A parceria entre Maturi e Netshow.me já existia antes desta necessidade de digitalizar o evento. “Procuramos a Netshow.me porque tínhamos o objetivo de disponibilizar conteúdo na nossa própria plataforma”, explica Litvak ao relembrar os motivos de ter escolhido a empresa.

Devido à conjuntura, a MaturiAcademy se tornou o carro-chefe da empresa – afinal, as incertezas ocasionadas pelo período impactou nos resultados de se trabalhar no B2C. “Com a pandemia, tudo se intensificou e ela se tornou nosso principal produto”, explica Campos.

Além de permitir o uso de diversos tipos de conteúdo como vídeos, áudios e podcasts, a Netshow.me OTT possibilita a realização de transmissões ao vivo na própria plataforma. Por se tratar de uma empresa que é referência no nicho, seria possível fazer o evento na própria plataforma.

Também existia o desafio de ser usado como lançamento da plataforma de conteúdo e apresentá-la ao público. “Queríamos fazer o evento na MaturiAcademi em função da estratégia de conteúdo e cursos gravados que pretendemos lançar”, diz Campos.

Outra solução oferecida é a criação de grupos de usuários, permitindo o acesso dos participantes a conteúdos exclusivos. Apesar do MaturiFest ser um evento gratuito, a funcionalidade permitiu a monetização do acesso a salas de networking no Zoom através da venda de ingressos solidários.

“Como a plataforma é intuitiva e fácil de comandar e navegar, dominamos todos os processos”, elogia Campos. Além da boa usabilidade proporcionada, o ambiente virtual organizado da OTT é outro ponto elogiado – afinal, trata-se de uma plataforma white label adaptada à identidade visual da empresa.

Quais os resultados do MaturiFest?

Como as edições anteriores, o MaturiFest 100% online foi um sucesso absoluto. A média de audiência dos painéis do evento foi de 2,3 mil usuários simultâneos. Transmitido em outras plataformas como Facebook, YouTube e LinkedIn, o evento teve alcance total de 350 mil pessoas.

Por se tratar de um canal de empreendedorismo referência para profissionais de idade mais avançada, houve alta demanda para as salas de networking – com média de 100 pessoas por sala. Foram vendidos 855 ingressos solidários na Sympla, com R$ 24,2 mil doados às ONGs Projeto Velho Amigo, Ecotece e Associação São Joaquim

Também é importante ressaltar o sucesso do evento com uma comunidade altamente engajada. “Nosso público é composto de pessoas altamente qualificadas e é importante ter uma curadoria de conteúdo de alta qualidade”, diz Campos ao falar sobre a enxurrada de feedbacks positivos do MaturiFest.

Não à toa, a MaturiAcademy atingiu a marca de mais de 8,5 mil após o evento. Assim, a plataforma continuará a ser utilizada para receber conteúdos – e, é claro, mais transmissões ao vivo.

Você também pode transmitir seus eventos com segurança e qualidade ao mesmo tempo que tem sua própria plataforma de conteúdos. Quer saber como? Fale com um de nossos especialistas!

banner-ott

Escrito por Gabriele Gonçalo