Tecnologia e Inovação

White label: descubra o que significa e quais são suas vantagens para negócios digitais

Saiba as vantagens de uma plataforma White Label e como isso pode ajudar a transformar seu conteúdo em negócio.

Escrito por Gabriele Gonçalo em 24 set 2021 | Atualizado em 24 set 2021

12 minutos de leitura

netshow.me

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter

Você já pensou em qual o melhor modelo para vender conteúdo digital e decidiu aderir à tendência Over The Top (OTT)? Existe a possibilidade de adotar um modelo pronto e facilitar este processo: adquirindo uma plataforma White Label.

Um ponto importante para usar uma plataforma OTT é pensar em todos os custos envolvidos e na complexidade de desenvolver seu próprio software. Adotar uma tecnologia white label será mais fácil – e muitas vezes, bem mais econômico. 

Descubra a seguir o que é uma plataforma white label e veja como ela pode ser a alternativa ideal para dar o pontapé inicial do seu negócio de conteúdo digital.

O que é uma plataforma White Label?

Um produto ou serviço white label é vendido sem a marca de quem o fabrica, podendo ser personalizado como o cliente desejar. Trata-se do conceito de comprar um produto ou serviço de uma marca e revender como seu. 

White label, na tradução literal, quer dizer etiqueta branca. A ideia é que você possa simplesmente adquirir uma mercadoria com uma etiqueta branca e colocar sua própria identidade visual antes de comercializá-la.

É  um modelo de negócios amplamente utilizado nos mais diversos setores. Por exemplo, você já foi ao supermercado e viu produtos com a marca do próprio estabelecimento? Isto é White Label! 

Dificilmente é o próprio supermercado que produz aquele item. Geralmente eles compram esses produtos já prontos de pequenas marcas, fazem a reembalagem e vendem com o nome do estabelecimento. 

Este conceito também se adequa à tecnologia. É possível adquirir o software diretamente do desenvolvedor e cuidar somente do conteúdo disponibilizado na plataforma. Afinal, trata-se de uma opção em que você adotará um modelo já testado e aprovado, assim facilitando o processo.

Qual a diferença entre White Label e franquia?

Você provavelmente pensou nas semelhanças entre o modelo White Label e franquias – afinal de contas, em tese, ambos são parecidos. As duas opções são baseadas em usar um modelo já testado e aprovado para desenvolver outros negócios. A principal diferença está na maneira que este modelo é utilizado. 

No caso da franquia, você utiliza uma marca já estabelecida e replica todo padrão dela. Não há flexibilidade para atuar de maneira diferente, é preciso seguir as determinações da empresa franqueadora. Veja o caso do Burger King, por exemplo. Todas as empresas são iguais, vendem praticamente os mesmos produtos e os funcionários até usam as mesmas roupas. 

Há também a obrigatoriedade de serem pagos os royalties à franqueadora. São taxas mensais cobradas para permitir a utilização da marca e o know-how de mercado da empresa proprietária. Elas permanecem existindo até o final do contrato. 

A plataforma White Label segue um caminho diferente. Ao adquirir o produto – que pode ser uma compra única ou uma assinatura recorrente – você poderá utilizar a sua própria marca. 

Quanto aos negócios, você terá flexibilidade para adaptá-lo às suas necessidades e visão de mercado. É uma solução que lhe dá liberdade de escolha e não impõe modelos engessados para serem seguidos.

Existe ainda o Private Label 

Private label quer dizer etiqueta privada e é o caso de boa parte dos produtos e serviços que utilizamos no nosso dia a dia. Os negócios Private Label permitem o uso de determinado serviço ou produto, mas apenas com a sua própria marca sendo exibida. 

Um Private Label muito comum são as máquinas de cartão de crédito. Você contrata aquele serviço para o seu negócio – às vezes até comprar a máquina! Mas tudo será entregue com o nome da empresa que está fornecendo o serviço. 

As funcionalidades de uma plataforma White Label

Quando falamos sobre plataformas para a venda e distribuição de vídeos e conteúdos digitais, existem muitas opções disponíveis. O mais importante é pensar o que você quer para a sua estratégia. Quais as funcionalidades, entregas e recursos necessários? 

Você pode até utilizar opções como o YouTube, mas não terá todos os recursos necessários para transformar suas produções em negócio. Não terá autonomia para mudar o layout, nem a disposição das informações, e dificilmente será possível oferecer mais de um formato de conteúdo na página. 

É aí que entra o conceito White Label. Ao adquirir uma plataforma nestes moldes, você terá maior liberdade para definir como atuar. Lembre-se: é muito importante ser quem dá as cartas.

Veja algumas funcionalidades que uma boa plataforma white label pode oferecer: 

Personalização completa

A primeira vantagem que uma plataforma white label oferece é a personalização completa do serviço. Ter a sua própria marca em cada cantinho da tela, em um ambiente proprietário, direciona o consumidor para a sua solução. Isso evita ter a concorrência ali pertinho disputando a atenção do seu público. 

Monetização dos conteúdos

Na sua estratégia, já pensou em trabalhar o funil de conversão para definir como monetizar seu conteúdo e utilizar modelos de receita recorrente, entre eles o clube de assinaturas? Com uma plataforma white label isso é possível! Assim, você evolui a sua produção de conteúdo e desenvolve uma base de leads cada vez mais madura para a venda.  

Diversos formatos em um só lugar

Outro ponto importante é o fato de você ter liberdade para determinar os formatos de conteúdo que você disponibilizará. Existe a possibilidade de mesclar mais de um, entre eles vídeos, podcasts e até ebooks – tudo depende da plataforma que você adquirir.

Vantagens de uma plataforma White Label

As plataformas White Label dispõem de muitas vantagens para o produtor de conteúdo – especialmente quando falamos da estratégia em vídeo. Com elas, é possível trabalhar a qualidade do material que está sendo entregue, aproximar a sua interação com o consumidor e desenvolver uma estratégia muito mais robusta. 

Outras vantagens que as plataformas White Label oferecem são:

Economia no desenvolvimento

Já pensou no tamanho do investimento que você teria ao desenvolver sua própria plataforma do zero? Além de gastar mais dinheiro, você precisaria contratar uma equipe de programadores.. Isso sem contar no maior tempo de implementação por estar desenvolvendo algo novo – e os percalços deste processo.

Com uma plataforma White Label, o cenário é diferente por ser uma solução pronta. Seu projeto demandará menos investimento e, por se tratar de um modelo previamente testado e aprovado, terá uma implementação mais simples e rápida. Também vale ressaltar a menor incidência de problemas técnicos e, consequentemente, melhor funcionamento.

Serviço prestado por equipe profissional 

Se cada etapa fosse responsabilidade da sua empresa, qualquer problema representaria mais custos de manutenção, deslocamento de pessoal para a resolução do problema, e muito mais. Com a plataforma White Label, enquanto você utiliza o serviço ou produto com a sua marca, ainda existe uma equipe de profissionais capacitados garantindo o pleno funcionamento de tudo.

Mais investimentos para o conteúdo

Sabe o dinheiro e tempo que você investiria no desenvolvimento e implementação de uma plataforma própria? É possível direcioná-los à produção do conteúdo que será disponibilizado ao usuário. Este ponto é importante porque, apesar do funcionamento do software ser imprescindível, você não pode esquecer de colocar material de qualidade nele.

Opção pela melhor qualidade 

Quando utilizamos serviços gratuitos ou populares, geralmente precisamos seguir o que as pessoas mais utilizam. É por isso que a maioria dos produtores de conteúdo acaba investindo no YouTube. Porém a principal limitação é ter que seguir as diversas regras da plataforma, o que dá pouca autonomia para o produtor de conteúdo.

Contudo, com uma plataforma White Label, você não precisará ficar preso a essas amarras. Na hora de contratar a plataforma, você pode – e deve! – fazer uma pesquisa de mercado e optar por aquela que melhor atende a sua necessidade. 

Conheça a plataforma White Label Netshow.me OTT

Quando falamos sobre monetizar conteúdos digitais, o conceito Over The Top, ou OTT, é a opção mais atrativa do mercado. Ele se refere aos produtos e serviços que são disponibilizados com uma qualidade diferenciada. 

A tecnologia utilizada pelas plataformas OTT é o streaming, que permite a reprodução e visualização de conteúdos sem ser necessário realizar um download prévio. 

Essa tecnologia ficou bastante conhecida com o serviço de vídeo, mais especificamente com a Netflix –  a empresa que teve mais sucesso invertendo a lógica do consumo do telespectador. Com as mudanças tanto na tecnologia quanto nos serviços oferecidos nos últimos anos, não é preciso esperar que o episódio da sua série vá ao ar na TV para assisti-lo. Agora, somos nós que decidimos o que queremos assistir e quando. 

Essa tecnologia, contudo, não está restrita à Netflix ou ao vídeo. O Spotify é um tipo de conteúdo Over The Top no segmento de áudio. E cada vez mais empresas estão adotando essa tecnologia! Não à toa, o segmento deve atingir faturamento de US$ 332,5 bilhões até 2025 – dados de relatório da Allied Market Research.

Pensando nesta tendência de mercado, foi criada a Netshow.me OTT. Uma plataforma White Label que permite a disponibilização de vídeos, áudios, e-books, e diversos outros tipos de formatos com todos os benefícios da tecnologia Over The Top. 

Quer elevar a qualidade na entrega do seu conteúdo com uma plataforma totalmente White Label? Fale com um de nossos especialistas e saiba como!

Escrito por Gabriele Gonçalo