Produção de Conteúdos

Podcast corporativo: o que é, benefícios e quando vale à pena

Veja os benefícios em ter um podcast corporativo. É possível usá-lo para alcançar novos públicos e até no treinamento de colaboradores.

Escrito por Netshow.me em 30 jun 2022 | Atualizado em 26 ago 2022

11 minutos de leitura

Freepik

Compartilhar no FacebookCompartilhar no FacebookCompartilhar no Twitter

Os podcasts são programas geralmente em áudio disponibilizados em plataformas específicas e que são consumidos sob demanda, isto é, é possível ouvi-lo quando quiser. Com cada vez mais pessoas interessadas por esse formato, as empresas começaram a pensar em formas de usá-lo para divulgação de produtos ou serviços e assim surgiu o podcast corporativo.  

Em 2022, 40% dos internautas disseram ouvir podcast, segundo uma pesquisa do Statista. Esse dado mostra a proporção que o formato atingiu — e indica que ainda pode crescer muito mais. 

Com diversas formas de narrativa e um investimento baixo para começar, pode gerar bons resultados como estratégia de captação de leads ou relacionamento com os colaboradores para as empresas.

Neste artigo, entenda o que é um podcast corporativo, os benefícios, o momento interessante para investir no seu e formatos que você pode usar na sua empresa. 

O que é um podcast corporativo? 

O podcast corporativo é basicamente o mesmo que um podcast comum, mas produzido por uma empresa focado ou conectado aos produtos e serviços que ela vende. O tipo de programa, formato e até modelo de narrativa podem ser iguais, mas ele terá uma conexão com a parte comercial. 

Pensando em termos de marketing, pode ser uma ação de topo de funil que visa encontrar pessoas que estão no processo de descoberta do problema. Para o RH, pode ser um conteúdo de estratégia de marca empregadora. Existem ainda muitas outras aplicações — tudo depende do objetivo da empresa com essa ação. 

O que também chama atenção nos podcasts são as inúmeras possibilidades que o formato possui. É possível fazer entrevistas, storytelling, programas roteirizados, documentários, reportagens, dramatização e mais. Pensar nesse formato e o que faz mais sentido para o seu público é que tornará o conteúdo mais interessante. 

Por esse motivo também que os podcasts corporativos não são simplesmente uma propaganda dos benefícios e estratégias da empresa. Assim como qualquer outro conteúdo produzido para a atração de leads, é importante que ele entregue valor para quem o ouve. 

Quais os benefícios de investir em um podcast corporativo para a sua empresa?

Como mencionamos, essa mídia tem crescido bastante na preferência dos internautas. Chegar a uma audiência cada vez maior é muito importante. Além disso, com esse formato talvez você alcance pessoas que dificilmente teria contato em redes sociais ou blogs. 

Contudo, este não é o único motivo que faz valer a pena ter um podcast corporativo na sua empresa. Confira outros benefícios que essa mídia pode gerar para o seu negócio: 

Marketing de baixo custo 

Para gravar um bom podcast é preciso um baixo nível de investimento inicial. O maior investimento será em tempo e aprendizado sobre a produção do conteúdo e uso das ferramentas. 

Já existem bons microfones disponíveis por um preço bastante acessível e também é possível usar o próprio fone de ouvido para captar o áudio. Com marcas de maior qualidade, como Apple, essa estratégia funciona muito bem. 

Para a edição, já existem ferramentas gratuitas com muita qualidade como o Audacity, que é um software de áudio open source. Além disso, existem bancos de áudio e trilha sonora com materiais grátis, como o Besound e o BBC Sound Effects. 

A distribuição do conteúdo também pode ser feita de forma gratuita. Com a ferramenta Anchor, você faz o upload de um único episódio e ela se encarrega de enviá-lo para várias outras plataformas agregadoras de podcast, como Google Podcasts, Apple Podcasts, Spotify e muito mais.  

💸 Saiba também: É possível ganhar dinheiro com podcast? Veja como monetizar!

🎤 Também pode ser útil: Técnicas de locução: como aperfeiçoar para produzir vídeos ainda melhores  

Mais autoridade 

Também mencionamos a importância do podcast corporativo ter um conteúdo de valor. Para esse tipo de mídia, as pessoas estão mais interessadas em receber um ensinamento válido e interessante do que serem convencidas de alguma coisa. 

Então, ao investir na qualidade do conteúdo, você também estará gerando reconhecimento para a sua marca. Com ouvintes satisfeitos e interessados pelo que o seu podcast corporativo tem a dizer, também aumentam as chances de que eles vejam o seu negócio como autoridade naquele assunto.  

Diversificação da abordagem 

Nas estratégias de marketing é muito importante realizar o básico para garantir uma base sólida. Contudo, cada vez mais empresas estão fazendo isso, e as chances de que o seu negócio apenas faça mais do mesmo, são grandes. 

Pensando nisso, o investimento em um podcast corporativo pode ser uma forma interessante de gerar um conteúdo diferente, que fuja do padrão do seu nicho de mercado ou concorrentes. A diversificação na abordagem pode ser um fator de atenção para a audiência com a qual você quer se comunicar. 

🎯 Veja também: Conteúdo multiformato: o que é e por que pode potencializar sua estratégia? 

Por que investir em um podcast corporativo?  

Tomar a decisão sobre qual estratégia seguir é algo que deve ser muito bem pensado. Afinal, o desenvolvimento de uma ação como essa só terá retorno depois de algum tempo.

Se você quer ter um podcast corporativo mas não sabe se é o momento certo para isso, separei alguns motivos pelos quais as empresas criam  podcasts corporativos e que podem ajudar nessa decisão:   

Para conquistar novos públicos 

O podcast é um tipo de mídia que pode atingir um público diferente daquele que já conhece a sua empresa. Algumas pessoas podem não usar as redes sociais mas, navegando no site da empresa, se interessar por ouvir o conteúdo e, como consequência, se interessar pela empresa. 

📻 Veja ainda: Podcast: o rádio interativo da internet 

Para ter fãs da marca 

Existem negócios que criam uma conexão tão forte com seus clientes que eles acabam se tornando fãs da marca. Essas pessoas geralmente desenvolvem um amor pela empresa e vão defendê-la, indicar seus serviços e gerar engajamento espontâneo sempre que possível. 

Um bom conteúdo de podcast corporativo pode ser a forma de conquistar algumas dessas pessoas e transformá-las em fãs da sua marca. 

Para desenvolver o Employe Advocacy 

Employe Advocacy ou Marketing de Defensores é um tipo de marketing em que os colaboradores são os próprios divulgadores de uma marca. Essa divulgação, em muitos casos, é feita de forma direcionada pela empresa. 

Um podcast corporativo pode ser um ótimo canal para gerar engajamento dos colaboradores nas redes sociais. Ao publicarem um episódio no próprio instagram ou LinkedIn, eles vão ajudar a divulgar um conteúdo interessante e ao mesmo tempo gerar engajamento para a marca. 

Como usar o podcast corporativo na empresa?

O podcast é uma produção bastante livre e que aceita uma série de abordagens e formatos na sua construção. Para a versão corporativa, é interessante pensar em opções que façam sentido para o seu público e nicho. 

Por esse motivo também é que ele pode ser aplicado de diferentes maneiras na sua empresa e na sua estratégia de marketing. Veja como você pode usar o podcast corporativo na sua empresa: 

Entrevistas com experts e colaboradores 

O formato de entrevistas é um dos mais comuns para podcasts. Ele possibilita unir diferentes pontos de vista em uma mesma conversa, deixando o conteúdo mais interessante. Além disso, demanda menos tempo de preparação que um material todo roteirizado. 

Você pode convidar experts de fora da empresa, como pessoas conhecidas na área ou que trabalham em cargos relevantes para o setor. Outra opção é convidar os próprios colaboradores da empresa. 

O interessante de levar alguém “interno” é que é possível falar das descobertas e desafios superados pelo seu negócio. Assim, é produzido um conteúdo bem interessante sobre a sua marca. 

Estratégia de marca empregadora 

As estratégias de marca empregadora são aquelas que querem despertar em outras pessoas o desejo de trabalharem na sua empresa. Com o podcast corporativo é possível ter episódios que falem sobre a cultura da empresa e geram uma percepção positiva sobre como é trabalhar lá. 

Para isso, uma alternativa é coletar depoimentos dos próprios colaboradores e a percepção deles sobre o local de trabalho. 

Treinamento de colaboradores 

O podcast corporativo não é exclusivo para clientes ou leads. Ele também pode ser usado para comunicação e conteúdo interno, como em materiais de treinamento dos colaboradores. 

Adotar esse formato é interessante justamente porque ele possibilita aprender o conteúdo enquanto realiza outra atividade — como no trânsito ou fazendo tarefas mecânicas. 

O conteúdo pode ser mais simples, apenas com a chefia explicando as questões da empresa ou de determinado setor. O importante é que ele seja bom e tenha uma aplicação prática para o treinamento dos colaboradores. 

Diversifique a sua abordagem

Como vimos, os podcasts têm crescido na preferência dos brasileiros. A possibilidade de ouvir algo interessante enquanto realiza outras tarefas é algo que atrai muitas pessoas. 

No mundo dos negócios, a tendência chegou com o podcast corporativo. Esse formato permite trabalhar a marca de forma externa, com clientes e geração de leads, mas também interna, nas estratégias de marca empregadora e treinamento. 

Indo além dos podcasts, outra tendência recente que está ganhando muito destaque são as lives. Leia nosso artigo sobre como fazer lives para a sua empresa e veja uma opção para aumentar ainda mais sua audiência. 

💡 Ler artigo: Como fazer lives para promover a sua empresa? 

Escrito por Netshow.me

Este artigo foi produzido pela equipe de especialistas da Netshow.me. Oferecemos serviços para gerenciamento, distribuição e monetização de vídeos e conteúdos online. Produzimos conteúdos com o objetivo de fazer com que você também se torne um especialista.