Tendências de Mercado

Tudo que você precisa saber sobre a maior live do mundo

Índice deste artigo:1 As transmissões ao vivo são tendência entre os conteúdos digitais. Confira aqui tudo que você precisa saber sobre a maior live do mundo!1.1 Mudanças que a Covid-19 trouxe às lives1.2 Qual a live com mais visualizações simultâneas?1.3 O que é o One World: Together At Home?1.4 Live Aid: a maior live da … Continuar lendo Tudo que você precisa saber sobre a maior live do mundo

Escrito por Gabriele Gonçalo em 16 abr 2020 | Atualizado em 09 ago 2021

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter

As transmissões ao vivo são tendência entre os conteúdos digitais. Confira aqui tudo que você precisa saber sobre a maior live do mundo!

Nas últimas semanas, você provavelmente deve ter reparado um crescimento no número de lives. Seja abrindo o Instagram e vendo a barra superior tomada de vídeos ao vivo ou até indo ao Twitter e se deparando com os trending topics repletos de tuítes sobre transmissões que estão acontecendo naquele momento.

O consumo de vídeos ao vivo é uma tendência no mercado de conteúdo digital. Em tempos de combate ao novo coronavírus, o nicho apresenta um crescimento ainda maior. Segundo o Google Trends, o termo teve um aumento de 60% nas buscas online.

Existe muito conteúdo disponível neste formato. Mas qual é a maior live do mundo? Pensando nesta que provavelmente está nas dúvidas de muitos, fizemos este artigo para falar sobre quem detém este recorde e separamos alguns dados sobre o crescimento deste formato. Vamos nessa?

Flow Experience 2020

Mudanças que a Covid-19 trouxe às lives

As medidas de prevenção à Covid-19 incluem ficar em casa e evitar o contato com outras pessoas. Com todo mundo em quarentena, o uso de internet bateu recorde histórico – no Brasil, foram consumidos 10 terabits por segundo.

Segundo estudo da Visual Capitalist, as transmissões ao vivo tiveram um aumento de 30% no consumo entre as pessoas com idades entre 24 e 37 anos. Além disso, o crescimento apresentou taxa de 21% no público com 38 a 56 anos e 17% entre 16 a 23 anos.

Cada vez mais empresas passaram a mudar seus eventos presenciais para o formato digital, utilizando o live streaming para atingir seu público.

Além do mundo corporativo, a indústria do entretenimento também foi muito impactada pela chegada do novo coronavírus. Como as aglomerações precisam ser evitadas, todas as apresentações foram canceladas ou adiadas – segundo pesquisa do Data Sim, o este número ultrapassa os 8 mil shows só no Brasil. Com isso os artistas passaram a fazer lives para manter contato com os fãs.

Qual a live com mais visualizações simultâneas?

Com cada vez mais artistas aderindo à tendência das transmissões ao vivo em meio à quarentena, os recordes são constantemente desafiados. Antes da quarentena global, a cantora Beyonce era a recordista – seu show no festival Coachella, em 2018, contou com audiência simultânea de mais de 450 mil pessoas no YouTube.

Depois de dois anos, o cantor sertanejo Gusttavo Lima bateu o recorde da diva pop, atingindo 750 mil acessos simultâneos com sua live no YouTube. No entanto, a liderança durou somente alguns dias. Do mesmo gênero, a dupla Jorge e Mateus conseguiu o pico de 3,1 milhões de espectadores simultaneamente. E sabe da maior? Eles já perderam a liderança para Marília Mendonça, com 3,2 milhões de audiência simultânea no dia 9 de abril.

Os recordes estão sendo quebrados com muita velocidade, né? Talvez você esteja lendo este artigo e outro artista já tenha ultrapassado os números citados acima.

Tudo que você precisa saber sobre a maior live do mundo

O que é o One World: Together At Home?

Com as transmissões ao vivo cada vez mais populares em meio à era da Covid-19, a ONG Global Citizen se juntou à Organização Mundial da Saúde (OMS) para organizar a live One World: Together at Home. O objetivo da iniciativa é arrecadar recursos para o combate ao novo coronavírus, além de conscientizar o público sobre os cuidados necessários para a sua prevenção.

A transmissão ao vivo acontecerá no YouTube, Instagram, Facebook e Twitter no dia 18 de abril, às 12:30. Além disso, cada país também compartilhará nos meios tradicionais – no Brasil, a Globo exibirá o conteúdo na tv aberta, no Multishow e na sua plataforma OTT Globoplay.

Quem realizou a curadoria de participantes do evento foi a cantora Lady Gaga. Artistas como Paul McCartney, Stevie Wonder, Elton John, Andrea Bocelli e Billie Ellish participarão – todos em plena quarentena graças à tecnologia de live streaming.

Com esta vasta lista de grandes nomes da atualidade, o recorde de Marília Mendonça pode ser mais um batido após pouco tempo – afinal de contas, a One World: Together at Home vem sendo alardeada como a live das lives!

Live Aid: a maior live da história

Não é a primeira vez que o mundo vê uma iniciativa nestes moldes. No dia 13 de julho de 1985, os britânicos Bob Geldof e Midge Ure organizaram o Live Aid com o objetivo de arrecadar fundos para o combate à fome na Etiópia

O evento teve shows no estádio de Wembley, em Londres, e no John F. Kennedy Stadium, na Filadélfia – além de algumas apresentações em Sydney, Moscou e Japão. Artistas como Queen, David Bowie, Mick Jagger e Led Zeppelin estão entre a vasta lista de shows do Live Aid.

Naquela época, não vivíamos num mundo conectado pela internet como hoje em dia. Mesmo assim, o Live Aid foi transmitido nas televisões de mais de 110 países e estima-se que foi assistido por mais de um bilhão de pessoas – esta é a maior live da história até o momento.

As doações eram feitas por meio de ligações telefônicas em mais de 40 países e até através do envio de cheques – afinal de contas, estamos falando da década de 80 e hábitos diferentes aos de hoje em dia.

Quanto o Live Aid arrecadou? Quando o último acorde de We Are The World foi tocado, o evento contabilizava doações na casa das US$ 127 milhões. Este sucesso até rendeu a Bob Geldof o título de cavaleiro – honraria máxima a um cidadão no Reino Unido!

Como fazer a sua própria live?

Você não precisa ser a Marília Mendonça ou participar de um evento beneficente para fazer a sua própria live. Hoje, as transmissões ao vivo são cada vez mais acessíveis e é possível realizá-las sem tanto investimento. A Netshow.me possui alguns guias que podem ajudar você a fazer lives em redes sociais como Instagram, YouTube e Facebook.

Caso sua necessidade seja uma solução com produção profissional, a Netshow.me Live é a melhor alternativa disponível. Fale com um de nossos especialistas e saiba como podemos ajudar a sua live a ser realizada com segurança e qualidade.

Escrito por Gabriele Gonçalo