Transmissão ao Vivo

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Aprenda como criar uma transmissão ao vivo no Facebook e suas vantagens para a divulgação de marcas e eventos.

Escrito por Gabriele Gonçalo em 16 dez 2020 | Atualizado em 10 ago 2021

9.8 minutos de leitura

Netshow.me

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter

Você deve ter percebido que a transmissão ao vivo é uma febre no Facebook. A rede social de Mark Zuckerberg prioriza posts com vídeo no feed de notícias e isso também se aplica aos vídeos ao vivo.

O que explica esta atenção especial às lives é a interação proporcionada pelo formato. Além disso, a plataforma dá maior destaque a posts que geram engajamento – o que é o caso das transmissões ao vivo!

Segundo dados fornecidos pelo próprio Facebook, os usuários dedicam 3 vezes mais tempo a um vídeo ao vivo do que quando este conteúdo é disponibilizado após a live. Além disso, as transmissões ao vivo recebem um número de comentários 10 vezes maior.

A seguir, mostraremos como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live e quais os melhores usos desta tecnologia.

O que é necessário para fazer uma transmissão ao vivo no Facebook?

O Facebook é, sem dúvida, uma das ferramentas mais simples para se criar uma transmissão ao vivo. Para iniciar uma live, você precisa somente de uma conexão de internet estável e o dispositivo que deseja utilizar – pode ser um computador, smartphone ou tablet.

Caso você queira dar uma cara mais profissional à sua live, é possível utilizar equipamentos como microfones e câmeras – entre elas, alguns tipos de câmeras 360º.

As lives no Facebook possuem duração máxima de 4 horas. É recomendado que você utilize o tempo mínimo de dez minutos para o público ir entrando durante a transmissão e, consequentemente, o alcance dela crescer.

Como fazer uma transmissão ao vivo no Facebook pelo computador?

Existem duas maneiras  de realizar uma transmissão ao vivo pelo desktop – seja ele um computador ou laptop. É necessário escolher um navegador para acessar o Facebook – recomendamos o Google Chrome.

Na home do Facebook, vá na opção Criar Publicação e clique em .


Em seguida, selecione Vídeo ao vivo para começar a configurar sua transmissão ao vivo. Na página seguinte, você poderá ver algumas opções.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook LiveNa barra esquerda, dá para selecionar quando será a sua live. Em Iniciar transmissão ao vivo agora, ela começará após você terminar de configurá-la. Também dá para selecionar  Programar um vídeo ao vivo e escolher data e hora para a transmissão.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Além disso, abaixo é possível definir onde a sua live será realizada. São três opções:

  • Compartilhar na sua linha do tempo: Selecione esta opção para fazer a live no seu perfil pessoal. Aqui, é possível configurar a privacidade da sua transmissão ao clicar na opção logo abaixo – de Público, Amigos, Amigos específicos e Somente eu;
  • Compartilhe em uma página que você gerencia: Nesta opção, é possível escolher uma página para recebê-la. Caso você administre mais de uma, a selecione em seguida;
  • Compartilhar em um grupo: Para concluir, existe a opção de realizá-la num grupo em que você faz parte. Clique nesta opção e depois selecione o grupo desejado.
Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook

Abaixo, é possível definir o título de sua transmissão ao vivo e fornecer uma descrição sobre ela – caso queira, dá para marcar outros usuários, localização e até sentimento ou atividade.

Selecione a opção Usar a câmera para utilizar somente seu dispositivo e os equipamentos acoplados a ele. Na coluna Configurar, serão definidos qual câmera e microfone captarão o áudio vídeo e se haverá compartilhamento de tela do computador.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Embaixo da sua imagem, é possível ver os dados de vídeo e áudio de sua live. Além disso, os Registros de evento ficam disponíveis.

Na lateral esquerda, é possível ver o chat com todos os usuários participando. Nele, as mensagens serão disponibilizadas em tempo real e é possível interagir com elas que nem numa publicação normal – com emojis, GIFs e figurinhas. Além disso, dá para fixar um comentário ao clicar em Fixar.               

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Na barra superior, dá para ver a integridade do stream, realizar enquetes e ver perguntas enviadas pelos participantes.

Para encerrar sua transmissão, clique em Encerrar vídeo ao vivo.

Como fazer uma transmissão profissional no Facebook?

E se você deseja fazer uma transmissão mais complexa? Seja utilizando mais de uma câmera, interface profissional, vinhetas ou estruturas e objetivos mais profissionais? Para isso, é necessário utilizar um encoder, ou seja, um software que converterá os dados da transmissão e os repassará para a plataforma – sabia mais aqui.

Existem muitas opções de encoders no mercado. Recomendamos o OBS Studio, disponível gratuitamente aqui.

No Facebook Live, é necessário clicar em Usar a chave de stream ir na opção Chave de Stream. Copie a chave fornecida e a cole nas configurações do encoder escolhido. Após realizar este processo, deve-se seguir com todo o passo a passo mencionado anteriormente para fazer a sua live.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Como fazer uma live no Facebook no celular?

Fazer uma live num dispositivo móvel é ainda mais simples – seja ele um celular ou tablet. Existem alguns recursos bem divertidos que podem ser utilizados. A seguir, você pode conferir um passo a passo:

Verifique se a sua versão do aplicativo está atualizada para ter todos os recursos disponíveis. A transmissão ao vivo não está disponível no Facebook Lite.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Na página inicial, clique na opção Ao vivo embaixo do campo onde se posta. O aplicativo solicitará acesso à câmera e ao microfone do dispositivo.

No barra superior, você pode definir se utilizará a câmera frontal do dispositivo e se usará flash. Além disso, lá dá para definir a privacidade da transmissão nos mesmos moldes que a versão do desktop.

Já na barra inferior, existem alguns recursos a serem utilizados. Ao clicar na varinha mágica, o primeiro ícone, você pode utilizar filtros semelhantes aos do Instagram. Já no lado direito, é possível abrir outras opções, entre elas Vídeo ao vivo e Chame um amigo.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Clique em Iniciar vídeo ao vivo para começar a sua live. É possível alternar estilos da sua transmissão ao clicar no ícone +, além de ter os filtros na varinha mágica e mudança de câmera ou uso de flash.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Ao selecionar o quinto ícone com um boneco, é possível ver a lista de espectadores e receber solicitações de participação. Já no botão com quinto, em forma de balão, é possível enviar comentários, que aparecem na tela.

Quando você optar por terminar sua live, clique em Concluir. Na tela seguinte, você pode salvar ou excluir o vídeo, publicá-lo na sua linha do tempo e definir a privacidade da sua live.

Como criar uma transmissão ao vivo no Facebook Live

Por que fazer live no Facebook?

O Facebook Live vem se tornando um grande aliado para a expansão do mercado de eventos. Seja utilizando o modelo online ou o híbrido, trata-se de uma forma gratuita e interativa de aumentar o alcance deles.

Quando você transmite seus eventos ao vivo, você amplia sua audiência e expande sua mensagem sem se preocupar com limitações de espaço físico. Assim, dá para levar mais pessoas e proporcionar uma nova oportunidade para seu público estar mais próximo do seu evento.

Outro ponto é que, ao transmitir ao vivo no Facebook, você aparece na timeline dos seus consumidores e cria uma conexão direta com o seu público em tempo real. Desta forma, é possível promover diálogo direto com estas pessoas e se tornar mais acessível online.

Confira também nossos guias de como fazer transmissões ao vivo no Instagram, YouTube, LinkedIn e Twitch. E não esqueça de baixar nosso Guia Definitivo de Lives em Redes Sociais!

Este post foi publicado originalmente no dia 16 de novembro de 2017 e atualizado no dia 16 de dezembro de 2020.

Escrito por Gabriele Gonçalo